quarta-feira, 23 de março de 2011

Nova era!

É irreversível a mensagem
Dada pelos ares falsos da cara
Pensada outrora que era a imagem
Que por ali o ar do povo lutara.

Com rigor pensamos com calma
Afinal somos algo? Juntos somos tudo
Sozinhos só nos resta a nossa alma
Espantando ares do pensado mundo...

Precisamos de uma nova mudança!
Com novos pós e da nossa aliança
Não a habitual, desastrosa sem esperança
Que faz o nosso lugar desmoronar.

Sem comentários: