domingo, 29 de maio de 2011

Amizade, qual é a tua idade?

Olha quem é ela, a amizade!
Banalizada por tudo e por nada
Procurada no escuro da mágoa
Relembrada quando a tragédia passa!

A tua idade? Isso realmente importa?

Mesmo dividida por superfície ou mar
Desde que exista intensidade
Vai sempre guardar um lugar
Por ser vivida com verdade.

Nos elementos que presentemente a desfrutam
Seja grande ou pequeno o numero da duração da vida
Apenas a mentalidade de cada um será compreendida
Se algo de semelhante nas suas proezas forem conhecidas!

Agradeço a uma pessoa por me ter sugerido este tema! Continua a escrever como escreves!

2 comentários:

Nami Nakazono disse...

é isso.
Só nos lembramos das pessoas quando as perdemos. impomos limites parvos às nossas relações com os outros, enquanto isso, não percebemos que podemos estar a perder pessoas espectaculares.

Brutal... como sempre ;)

Carina Rocha disse...

Eh eh eh

Aqui estou eu xD e pké? Porque gosto daquilo que escreves xD

Este poema, bem, é giro e gosto muito, ou seja, acho que aborda um tema muito bom eheheh...

A idade não interessa para nada, é apenas um numero e um pouco mais de experiência ou menos nesta vida xD

O importante é o que a pessoa é...

Gostei muito, bom, como sempre xD **